Inicio Esportes Palmeiras vence o Athletico,fora de casa,com lei do ex aplicada nos acréscimos

Palmeiras vence o Athletico,fora de casa,com lei do ex aplicada nos acréscimos

Por urandionline

Raphael Veiga dá vitória ao Verdão com gol aos 46 minutos do segundo tempo; Furacão perde a segunda

A implacável lei do ex

Com um gol de Raphael Veiga nos acréscimos, aplicando a lei do ex, o Palmeiras venceu o Athletico por 1 a 0 na noite desta quarta-feira, na Arena da Baixada, em Curitiba, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro. Essa é a primeira vitória do Verdão na competição. O jogo, no geral, foi bem fraco, sem muita criatividade e emoção. Mal em campo, o Furacão perde a segunda seguida, depois de começar o torneio com duas vitórias.

Primeiro tempo

Athletico e Palmeiras fizeram uma etapa inicial de muito pouca emoção. Ambas as equipes tiveram muita dificuldade em criar chances de gol, deixando o jogo truncado e monótono. Aos 15 minutos, Lucas Lima, do Verdão, mandou a bola para área em cobrança de falta, mas a zaga adversária tirou. Três minutos depois, o Furacão criou a única chance perigosa, mas Lucas Halter cabeceou muito mal. Mais para a reta final do primeiro tempo, Rony chutou forte cruzado, e Gustavo Gómez quase cabeceou para o gol. De qualquer forma, ele estava impedido. O fato é que os dois times deixaram muito a desejar nos primeiros 45 minutos.

Segundo tempo

Na etapa final, o Palmeiras chegou a abrir o placar, aos 16 minutos. Mas o gol marcado por Lucas Lima, depois de lindo passe de Rony, foi anulado por impedimento no começo da jogada. Ainda que sem conseguir criar muitas chances, o Verdão tomou mais iniciativa do que o Athletico. Só que o Furacão teve ótima oportunidade aos 35, quando Weverton saiu jogando errado e deu a bola de presente para Pedrinho acertar belo chute na trave. O Palmeiras só foi responder aos 40, em chute fraco de Gustavo Scarpa, defendido com facilidade por Santos. Mas, aos 46, já nos acréscimos, o time visitante encontrou o gol da vitória. Raphael Veiga aproveitou a sobre na grande área e bateu, sem chance para o goleiro.

Por:GE

Foto: Cesar Greco

Posts relacionados

Deixe um comentário

Proibido plagiar