Inicio Esportes Inter vence o Santos,continua 100% e alcança líderes do Brasileirão

Inter vence o Santos,continua 100% e alcança líderes do Brasileirão

Por urandionline

Colorado domina o jogo, finaliza mais de 20 vezes e chega à vitória com gols de Guerrero e Edenílson; time de Coudet vai a seis pontos, e Peixe tem novo tropeço

Primeiro tempo

Os primeiros 15 minutos foram só do Inter, que ocupou o campo de ataque, ignorou a presença de três zagueiros no Santos e venceu facilmente a marcação com a movimentação das peças ofensivas. Nesse tempo, Lucas Veríssimo quase fez um contra, desviando a bola na trave, e Thiago Galhardo perdeu um gol incrível. O Peixe só deixou um pouco o sufoco quando Luiz Felipe saiu machucado e o técnico Cuca se viu forçado a abandonar o esquema que havia proposto – colocou Kaio Jorge e retomou a formação com Marinho e Soteldo abertos, mais um centroavante. Ainda assim, o volume foi todo do Inter, com 71% de posse de bola e 12 finalizações, contra apenas duas do Santos. A última delas com Marinho, em cobrança de falta perigosa.

Segundo tempo

O jogo seguiu na mesma batida, com o Inter pressionando e o Santos buscando contra-ataques – ainda que tenha melhorado a qualidade na saída de bola com a entrada de Jobson no meio-campo. Apesar das muitas chances, o Colorado chegou ao gol ajudado por uma falha de Felipe Jonatan, que tentou proteger a bola na saída para a linha de fundo, mas viu Thiago Galhardo se antecipar e tocar para Saravia, que cruzou na cabeça de Paolo Guerrero: 1 a 0. Com poucas opções no banco, Cuca lançou garotos como Ivonei e Tailson, sem sucesso. Só Soteldo salvou: e foi dos pés dele que saiu a jogada que daria o empate ao Santos, após cruzamento bem aproveitado por Kaio Jorge. O lance, porém, foi anulado por um toque de mão. O Inter teve novas chances de ampliar e conseguiu o segundo com Edenílson, num golaço após toque de calcanhar de Guerrero. Mesmo assim, o placar ainda foi magro.

Por:GE

Foto: Ivan Storti/Santos FC

Posts relacionados

Deixe um comentário

Proibido plagiar