Inicio Bahia Residentes da saúde com atuação em Guanambi paralisam atividades

Residentes da saúde com atuação em Guanambi paralisam atividades

Por urandionline

Profissionais que fazem residência na área de saúde em Guanambi e mais cinco cidades baianas paralisaram as atividades por terem sofrido redução no valor da bolsa-salário. Os residentes atuam como fisioterapeutas, nutricionistas, dentistas e enfermeiros. As cidades com paralisação são Una, no Sul baiano, Bonito, na Chapada Diamantina, Dom Basílio e Guanambi, no Sudoeste, Bom Jesus da Lapa, no Oeste e Mairi, na Bacia do Jacuípe.

Segundo a TV Sudoeste, os residentes afirmam que a redução da bolsa-salário ocorreu após o aumento da alíquota do INSS, sob a lei da Reforma da Previdência, que passou de 11% a 14%. O reajuste gerou prejuízo aos profissionais. Em nota, o Ministério da Saúde declarou que analisa os cenários de correção no valor das bolsas de Residência em Saúde, em parceria com o Ministério da Educação, parlamentares e entidades de classe.

A pasta ainda disse que reforçou a importância do trabalho dos residentes no SUS [Sistema Único de Saúde] e que debate a melhor forma de adequar as solicitações da categoria.

Foto:VBS Drones

Posts relacionados

Deixe um comentário

Proibido plagiar