Inicio Esportes Atlético-MG estreia na Sul-Americana com derrota para Unión

Atlético-MG estreia na Sul-Americana com derrota para Unión

Por urandionline

Galo é dominado, desperdiça pênalti, tem Allan expulso e se complica na competição internacional

Totalmente previsível em campo. Foi assim que o Atlético iniciou uma partida de grande importância para o primeiro semestre. Acuado em seu campo de defesa, sem ninguém para construir jogadas, com pontas lentos e volantes desorganizados em campo, além de um centroavante apagado, o Galo deu espaço para o Unión se sentir à vontade e aplicar 3 a 0 no jogo de ida da primeira fase da Copa Sul-Americana, disputado no Estádio 15 de Abril, em Santa Fe, na Argentina. O Atlético ainda desperdiçou um pênalti e teve Allan expulso. O duelo de volta será dia 20 de fevereiro, às 21h30 (de Brasília), no Independência.

Primeiro tempo

Logo no começo da partida, uma bola arremessada na lateral venceu a zaga do Galo. Chegou aos pés de Walter Bou, e Gabriel foi uma presa fácil para o atacante girar e chutar na pequena área, vencendo Michael. O Atlético pouco criou, não chegou no gol e ainda deu espaço para o contragolpe adversário. A desorganização tática facilitou a vida dos rápidos ponteiros do Unión. Fábio Santos deixou sua ala desguarnecida e Cabrera se aproveitou, infiltrando e marcando um golaço, para praticamente nocautear a equipe mineira na partida.

Segundo tempo

Nada mudou no cenário do jogo. E não demorou para o Unión ampliar. Após lançamento, Carabajal conseguiu o domínio dentro da área e, marcado por Réver, não teve dificuldade para ajeitar o corpo e finalizar na saída de Michael: 3 a 0. O Atlético estava perdido em campo. Muito melhor no jogo, o Unión teve mais chances. Atlético acumulou vacilos defensivos e, muito nervoso, errou passes e pouco conseguiu avançar em campo. As melhores chances foram em chutes de fora da área, com Mailton, Hyoran e Marquinhos. O Unión seguiu levando perigo. O Galo se livrou de tomar o quatro gol. Para piorar, Allan desperdiçou um pênalti aos 45 minutos, com a defesa do goleiro Moyano. Nos acréscimos, o volante ainda foi expulso.

Por:GE

Posts relacionados

Deixe um comentário

Proibido plagiar