Inicio Bahia Fundac qualifica jovens e adolescentes para mercado de trabalho

Fundac qualifica jovens e adolescentes para mercado de trabalho

Por urandionline
Ingressar no mercado de trabalho será uma tarefa menos difícil para 267 jovens e adolescentes que cumprem medida socioeducativa de internação na Fundação da Criança e do Adolescente (Fundac). Neste mês de dezembro, eles recebem certificados nos cursos profissionalizantes de panificação e confeitaria, eletricista industrial, manutenção e instalação de ar-condicionado e de auxiliares de edificação. Os 60 primeiros certificados foram entregues em cerimônia nesta terça-feira (3), na Case Salvador.
No evento, o secretário do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte, Deivison Magalhães, destacou que não existe ressocialização sem a incorporação e uma vida social. “Nós temos um levantamento de que mais da metade dos internos que passam por esse processo de ressocialização e têm a oportunidade de se qualificar profissionalmente são reintroduzidos do ponto de vista social. Por isso, com essa parceria com a Fundac, nós estamos oferecendo aos internos em processo de ressocialização diversos cursos de qualificação”, disse.
Segundo a diretora-geral da Fundac, Regina Afonso, a instituição cuida da saúde integral do interno, física e mental. “É um conjunto de ações que levam à ressocialização. Nós oferecemos vagas de qualificação profissional para que, quando o jovem ou adolescente terminar de cumprir a medida socioeducativa, ele possa ter acesso ao mercado de trabalho e até mesmo ser um pequeno empreendedor”, explicou.
De acordo com o professor de panificação e confeitaria, Reinaldo Souza, a proposta é qualificar os educandos e já há egressos no mercado de trabalho. “A gente está ajudando esses jovens para que eles estejam preparados para o mercado. Muitos, quando saem, já estão qualificados e são indicados pelo Programa de Atendimento a Egressos da Fundac para um posto de trabalho formal”.
Um dos internos, que está há um ano e oito meses na Fundac, já faz planos para quando sair. “Eu recebi o certificado do curso de refrigeração e manutenção de ar-condicionado. É uma oportunidade que eu não tive fora da Fundac. Esse tempo que eu estou passando aqui é importante para eu refletir. O que estou aprendendo aqui pode me ajudar muito quando eu sair, para que eu possa cuidar da minha família”, afirmou.
Acordo de cooperação
Durante a cerimônia de certificação também foi assinado um termo de cooperação técnica, entre a Fundac e Secretaria da Educação do Estado, que vai proporcionar Educação Básica e Profissional para os adolescentes que cumprem medidas socioeducativas de internação e medida cautelar de Internação Provisória (IP).
Repórter: Raul Rodrigues

Posts relacionados

Deixe um comentário

Proibido plagiar