Inicio Esportes São Paulo empata com os reservas do Grêmio no Morumbi

São Paulo empata com os reservas do Grêmio no Morumbi

Por urandionline
Paulistas tropeçam em casa e não conseguem igualar pontuação dos líderes; gaúchos seguem no meio da tabela

Tudo igual

O Morumbi praticamente lotado não foi o bastante para levar o São Paulo à vitória na manhã deste sábado. Diante dos reservas do Grêmio (apenas Everton jogou dos titulares), o Tricolor paulista teve um mau desempenho ofensivo, levou alguns sustos na defesa e não passou de um empate por 0 a 0. Na saída de campo, a equipe de Cuca ouviu vaias da torcida, assim como o garoto Antony, expulso nos minutos finais.

Primeiro tempo

Sem um centroavante de ofício, Cuca montou o São Paulo com Vitor Bueno avançado, mas com uma intensa movimentação no ataque. O Tricolor tocou bem a bola, encurralou o Grêmio na defesa e criou uma ótima chance aos sete minutos. Antony pegou rebote praticamente na primeira área e bateu para fora. Os gaúchos, aos poucos, acertaram a marcação, trocaram passes e saíram do sufoco. Tanto que quase marcaram. Após Everton desarmar Arboleda, Capixaba recebeu na área e bate, mas parou em grande defesa de Tiago Volpi. Com dificuldade de furar a marcação, o São Paulo só apareceu nos minutos finais, ambos em finalizações de Tchê Tchê. A primeira concluída para fora, e a segunda defendida por Júlio César.

Segundo tempo

O Grêmio voltou melhor do intervalo e levou enorme perigo aos dez minutos, em chute de Thaciano que Volpi espalmou. Cuca tentou aumentar a velocidade e a força ofensiva com a entrada de Igor Vinícius no lugar de Juanfran e pouco depois de Helinho em substituição a Vitor Bueno. Renato colocou Pepê e Darlan nas vagas de Luan e Luciano. O São Paulo só voltou a apertar no fim. Aos 37, Igor Gomes, que entrara no lugar de Liziero, exigiu boa defesa de Júlio César. O goleiro reapareceu no minuto seguinte para salvar em finalização de Antony. O atacante são-paulino, aliás, foi expulso aos 41 após matar um contra-ataque e receber o segundo cartão amarelo. Na saída de campo, ele foi vaiado pela torcida e pediu desculpas pela expulsão.

Por:GE

Foto: Leo Pinheiro

Posts relacionados

Deixe um comentário

Proibido plagiar