Inicio Bahia Na Semana do Consumidor,Procon intensifica atendimentos até sexta-feira (15)

Na Semana do Consumidor,Procon intensifica atendimentos até sexta-feira (15)

Por urandionline
Esta quarta-feira (13) é o terceiro dia da Semana do Consumidor, ação que visa ampliar o número de atendimentos de consumidores que têm problemas relacionados ao mercado de consumo. A iniciativa é promovida pela Superintendência de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-BA), localizada na Rua Carlos Gomes, e segue até a próxima sexta-feira (15), data em que se comemora o Dia Mundial do Consumidor.
Segundo o diretor de Fiscalização da unidade, “em 2019, a expectativa é  superar o número de atendimentos do ano passado, que ultrapassou mil registros feitos por parte de consumidores. É uma semana de mutirão de atendimentos e negociações de dívidas, que visa ainda garantir e comemorar os direitos de todos os consumidores”.
O cozinheiro Antônio Roberto Neves identificou cobranças indevidas no extrato da conta corrente e procurou a unidade. “Entrei em contato com o banco e eles reconheceram o engano, mas só querem ressarcir os últimos três meses, sendo que isso vem ocorrendo há um ano. Vim aqui por que quero receber o valor integral”, explicou.
O técnico de atendimento Elvis Martins registrou a ocorrência de Antônio.”Nesses e em outros casos, o Procon gera uma reclamação e a envia, por meio de um sistema, para a empresa ré. Em cerca de dez dias há um retorno. Se o probelma não for sanado, registra-se um processo administrativo e essa empresa é chamada em audiência”, explicou o atendente.
Mais ações da Semana
No decorrer de toda a semana, também ocorre o Mutirão de Negociação de Dívidas com a Coelba. A iniciativa permite que pessoas que tenham débitos com a concessionária de energia elétrica negociem os valores e prazos, e tenham a situação facilitada durante o atendimento prestado.
Já no dia 15 de março, será realizado o lançamento do Cadastro de Reclamações Fundamentadas do Exercício de 2018. O documento apresenta os fornecedores que contam com os maiores números de reclamações registradas no órgão, além de observar aqueles que mais atendem e os que mais negam os direitos aos consumidores baianos.
Na sede, localizada na Rua Carlos Gomes, número 746, em Salvador, e em outros postos da Superintendência de Defesa e Proteção do Consumidor distribuídos pela capital e interior acontece, ainda, a distribuição de exemplares do Código de Defesa do Consumidor.
Repórter: Renata Preza

Posts relacionados

Deixe um comentário

Proibido plagiar