Inicio Variedades Prevenção é um dos pilares para o tratamento dos casos de câncer de mama

Prevenção é um dos pilares para o tratamento dos casos de câncer de mama

Por urandionline

Embora o câncer de mama acometa principalmente as mulheres, 1% dos casos ocorre em homens.

Dados disponibilizados pelo Instituto Nacional do Câncer (Inca), órgão subordinado ao Ministério da Saúde (MS), indicam que o câncer é a terceira maior causa de mortes no país, sendo 11,84% do total dos óbitos, e a segunda doença que mais mata, sendo 27,63% do total, perdendo apenas para as doenças cardiovasculares.

No caso do câncer de mama, o especialista em mastologia do Grupo Hapvida, Edison Pedrinha, explica que em sua fase inicial, a doença normalmente é assintomática, mas, alguns de seus sinais notáveis são nódulos palpáveis na mama, retração de mamilos ou alterações da pele das mamas.

“O diagnóstico do câncer de mama é feito por biópsia, mas a identificação das lesões é feita por exame físico e de imagem. Destes, podemos citar a mamografia, que é o principal meio de rastreamento de lesões iniciais e a ultrassonografia mamária”, explica.

O médico ressalta ainda que, embora a doença acometa principalmente as mulheres, 1% dos casos ocorre em homens. “Não existe prevenção primária ao câncer de mama, mas algumas medidas podem reduzir o risco da enfermidade, como evitar obesidade, reduzir o consumo de bebidas alcoólicas, consumo de alimentos ricos em gorduras e uso de hormônios sem recomendação médica”, alerta o especialista.

Embora não tenha uma causa única, esse tipo de câncer pode ser adquirido por diversos indicadores, como idade, história reprodutiva, fatores genéticos e hereditários. Mulheres com idade a partir dos 50 anos são mais propensas a desenvolver a doença.

Tratamento

O Ministério da Saúde estima que por meio da boa alimentação, nutrição e atividade física é possível reduzir em até 28% o risco de a mulher desenvolver câncer de mama. Os usuários do Hapvida dispõem de toda a estrutura necessária para o cuidado multidisciplina. Os profissionais do plano ressaltam a importância da identificação precoce de lesões suspeitas, além de realizar um tratamento completo e humanizado.

Posts relacionados

Deixe um comentário

Proibido plagiar